Governo de São Paulo entrega obra que universaliza saneamento em Adamantina

Estação de Tratamento de Esgoto teve investimentos de mais de R$ 11 milhões e vai contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população e despoluição do Ribeirão dos Ranchos. Governador Alckmin também entregou trecho recuperado de estradas rurais

sáb, 17/11/2012 - 19h09 | Do Portal do Governo

O governador Geraldo Alckmin entregou neste sábado, 17 de novembro, a Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Oeste, em Adamantina. O novo sistema, cujo investimento foi de mais de R$ 11 milhões, garantirá que 20 mil pessoas da cidade sejam atendidas com esgotamento sanitário.

O evento contou com a presença do secretário de Saneamento e Recursos Hídricos, Edson Giriboni; dadiretora-presidente da Sabesp, Dilma Pena, do diretor de Sistemas Regionais da companhia, Luiz Paulo de Almeida Neto; e do prefeito de Adamantina, José Francisco Figueiredo Micheloni, entre outras autoridades.

A estação de tratamento de esgotos – constituída por um equipamento importado Hubber, da Alemanha, considerado um dos melhores e mais eficientes dispositivos de retenção de sólidos – terá capacidade para tratar 58 litros por segundo. Será responsável por receber os esgotos coletados de 60% do município. Somando-se com os 40% restantes já tratados pela Estação de Tratamento de Esgotos Leste, Adamantina se torna um município 300% – ou seja, seus 34 mil moradores passam a ter 100% de abastecimento de água, 100% de coleta de esgotos e 100% de tratamento.

Além de contribuir para a despoluição do Ribeirão dos Ranchos, as obras vão garantir melhorias para qualidade de vida da população, por meio da erradicação das doenças causadas pela água e queda do índice de mortalidade infantil.

O governador Geraldo Alckmin ressaltou a importância da nova estação de tratamento, que vai beneficiar toda a região. “Até o ano que vem, mais de 60% dos municípios da região terão esgotos e água tratados”, disse.

O sistema tratará os esgotos dos bairros Centro, Jardim Bela Vista, Jardim Bandeirantes, Jardim Poetas, Mario Dorigo, Vila Cicma, Jardim Aviação, Santa Mônica, Novo horizonte, Tipuanas, Paraíso, Oiti, Vila Oliveira, San Fernando, Vila Nilza, Parque Esmeraldas, Jardim Paulista, Jardim Santa Inês, Vila Fudimori, Vila Fátima, Vila Sakay, Vila Endo, Conjunto Ipê, Cecap, Jardim Europa e Parque Jaraguá.

Também serão beneficiados os bairros Millenium, Conjunto das Palmeiras, Jardim América, Parque Iguaçu, Jardim Ipiranga, Parque Itapuã, Mario Covas, Jardim Acácias, Vila Joaquina, Jardim Alamandas, Vila Freitas, Vila Industrial, Parque Tangará, Vila Jurema, Vila Cristina, Vila Bandeirantes, Parque das Nações, residencial Aguapeí, Residencial Eldorado II, Residencial Monte Alegre, Residencial Eldorado I, Parque Giuliano, Parque Universitário, Jardim Primavera, Residencial Taipus e Jardim Adamantina.

As obras, que tiveram início em abril de 2008, contemplam 7,8 quilômetros de interceptores e emissários, unidades de bombeamento e a construção da estação de tratamento de esgotos.

A inauguração foi realizada neste sábado (17), às 12h30, na estação de tratamento de esgotos, que fica na margem esquerda do Ribeirão dos Ranchos, estrada municipal Adamantina-Mariápolis.

Recuperação de estradas rurais

O governador Geraldo Alckmin também entregou as obras do Melhor Caminho, programa da Secretaria de Agricultura e Abastecimento.

O programa, que recupera estradas rurais, beneficiou o bairro Cana Verde, onde moram aproximadamente 40 famílias de agricultores. A comunidade trabalha com cana-de-açúcar, gado de corte, leite e produtos hortifrutigranjeiros.

Foram recuperados seis quilômetros da estrada, que liga o bairro à vicinal que dá acesso aos municípios de Adamantina e Valparaíso, pelas estradas ADM-315 e ADM-109. As obras, que começaram em fevereiro, receberam investimentos de R$ 589.847,14 do Governo do Estado.

Os benefícios para a comunidade foram muitos. Além de tornar a estrada transitável durante todo o ano, principalmente na época das chuvas, o projeto garantiu o acesso dos moradores aos serviços de saúde, educação e abastecimento.

Sobre o Melhor Caminho

Criado por decreto em 1997, o Melhor Caminho já recuperou 10 mil quilômetros de estradas rurais em todo o estado. As obras são realizadas pela Codasp (Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo), uma empresa oficial do Governo do Estado, vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento.

Tem como objetivos a readequação das plataformas das estradas rurais de terra para a implantação de sistema de drenagem superficial eficiente, com obras como terraços ou bacias de captação que evitam a ocorrência de processos erosivos nas propriedades lindeiras, favorecendo a infiltração das águas pluviais e a recarga do lençol freático, além de melhorar as condições de suporte e rolamento das pistas das estradas rurais com a execução de revestimento primário.

Obras na SP-294

Durante a entrega, o governador Alckmin também falou sobre as obras de recapeamento, duplicação e sinalização na rodovia SP-294. “Dia 23 sai o edital da obra. “São 150 milhões de reais de investimento para obras de Adamantina a Tupi Paulista. Em um segundo momento mais 50 milhoes para obras de Tupi Paulista até o município de Panorama”, disse.

 

Mais informações:

Secretaria de Estado de Agricultura
(11) 5067-0069

Assessoria de comunicação da Sabesp
Tel.: (11) 3388-8592 / 8565 / 9427 / 8240 / 8387 / 8596
Cel: (11) 98566-3904 – Magda Santos; (18) 8115-2807 – Priscila Dias Franco

Twitter: @CiaSabesp
Facebook: www.facebook.com/OficialSabesp
Flickr: www.flickr.com/sabesp
Youtube: www.youtube.com/SaneamentoSabesp

homolog.saopaulo.sp.gov.br