Cultura: Orquestra de Sopros é atração neste domingo, dia 3

Evento será realizado na Sala São Paulo

sex, 01/04/2005 - 12h45 | Do Portal do Governo

O projeto Concertos Matinais, da Secretaria da Cultura do Estado, apresenta neste domingo (03), na Sala São Paulo, a Orquestra de Sopros Brasileira, do Conservatório de Tatuí. O concerto, com regência de Dario Sotelo, terá em seu repertório a Abertura Cômica, de Ferrer Ferran; Council Oak, de David R. Gillingham; Verano Porteño e Ar. Pablo Dell’Oca Sala, de Astor Piazzolla; El Camiño Real, de Aldred Reed; Of Sailors and Whales, de W. Francis McBeth; e Marcha, de Edson Beltrami, e Toccata, de Andersen Vianna.

Criada em 1992, pelo maestro e Diretor do Conservatório de Tatuí, a Orquestra de Sopros Brasileira gravou seu primeiro CD, Compositores Brasileiros, em 1995. Quatro anos depois, recebeu o prêmio de melhor obra sinfônica de 1999 com Sinfonia Anõia, de Sergio Vasconcellos-Corrêa. A Orquestra tem um repertório com 55 obras escritas, especialmente, para o grupo. O maestro Dario Sotelo concluiu mestrado em regência na City University , em Londres. Atuou em vários festivais e já regeu concertos e deu palestras na Suíça, Hungria, Estados Unidos, Espanha e Argentina.

Este é o segundo espetáculo da Temporada 2005 do projeto Concertos Matinais , criado para promover inclusão cultural e formação de público jovem. Os ingressos custam R$ 2,00 na bilheteria e R$ 1,00, se comprado com antecedência no Poupatempo. A novidade da edição é a parceria com o Centro de Estudos Musicais Tom Jobim, que assume também a direção artística do projeto. A partir de agora, os concertos dominicais terão a participação dos seis corpos estáveis do Centro, incluindo a Jazz Sinfônica e Banda Sinfônica do Estado.

Sobre o projeto:

O projeto foi criado pela Secretaria da Cultura para democratizar o acesso à música e formar novas platéias. A programação é adequada a este objetivo e apresenta temas jovens e infantis, sempre aos domingos, às 11 horas, e têm ingressos a R$ 2,00 na bilheteria e a R$ 1,00, se comprado com antecedência nas unidades do Poupatempo. Os concertos são iniciados por bate-papo informativo entre maestro e platéia sobre o espetáculo a ser apresentado. A idéia é despertar no público o gosto pela música orquestrada através do conhecimento. Na edição 2004, foram 30 apresentações para 36 mil pessoas. A média de público bate a casa de mil por concerto.

Domingo, dia 3 de abril de 2004
Horário: 11 horas
Sala São Paulo
Praça Júlio Prestes, s/nº, Luz. Bilheteria: (11) 3337-5414
Ingressos: R$ 2 e R$ 1 (se comprado com antecedência no Poupatempo)
Acesso a portadores de deficiência física

Da Assessoria de Imprensa da Secretaria da Cultura

M.J.