CPTM: Compras por pregões geram economia de R$ 1,22 milhão no primeiro trimestre

Na próxima semana serão realizados dois pregões

qui, 12/05/2005 - 9h24 | Do Portal do Governo

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) obteve uma economia de R$ 1.224.812,26 com a realização de pregões presenciais de compra no primeiro trimestre de 2005. A diferença entre o volume negociado (R$ 8.258.515,42) e valor referencial de mercado (R$ 9.483.327,68) foi de 12,92%.

Proporcionalmente, o percentual entre o valor negociado e o referencial deste trimestre esteve 2,22% acima do mesmo período de 2004, que ficou em 10,7%. No entanto, em números absolutos a economia do primeiro trimestre do ano passado foi maior: R$ 1.343.791,68, contra R$ 1.224.812,26 consolidados de janeiro a março deste ano. O último mês de fevereiro registrou a maior economia: 16,18%, ou R$ 886.513,00.

Programação

Na próxima semana, acontecem dois pregões. Na terça-feira (17/5), às 9h30, a sessão agendada é para aquisição de diversos equipamentos, utilizados nas oficinas e abrigos de trens.

Já na quarta-feira (18/5), a partir das 10h, o evento é destinado à contratação de prestação de serviços de comunicação móvel, ponto a ponto, com sistema de conexão rápida PTT (push-to-talk). O fornecimento dos equipamentos ocorre em regime de comodato para a CPTM.

Os pregões ocorrem na sala de licitações da Gerência de Suprimento da CPTM, no edifício Cidade II, Rua Boa Vista, 175, térreo, na capital. Os editais podem ser obtidos no site www.cptm.sp.gov.br; ou no 5º andar, no mesmo endereço.

Transparência e economia

O sistema de pregão presencial está regulamentado pelo Decreto Estadual 47.297, de 06 de novembro de 2002, e vem se somar a outras três modalidades previstas em lei para aquisição de bens e produtos: a concorrência, a tomada de preços e a carta convite.

Além de ser aplicado a qualquer valor estimado de contratação – excluindo contratos que envolvem obras e serviços de engenharia, locações imobiliárias e alienações em geral -, a vantagem do pregão sobre as modalidades convencionais é a desburocratização do processo e, conseqüentemente, sua agilidade e transparência. A CPTM conta com uma equipe de apoio, formada por ‘pregoeiros’ treinados, que fazem a análise da documentação, das especificações técnicas, entre outros aspectos.

Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM
Assessoria de Imprensa

(LRK)